// you're reading...

Artigos

Agentes Hipometilantes e o Transplante de Células – tronco Hematopoéticas nas Síndromes Mielodisplásicas

.
Os agentes hipometilantes, 5-azacytidina (Vidaza*), têm demonstrada eficácia e boa tolerabilidade no tratamento das Síndromes mielodisplásicas. Apesar de tudo a opção para a “cura” nestes pacientes, a maioria com idade avançada, cada vez mais é o Transplante.
Com a redução da toxicidade, preparo com menor dose das drogas, e com os agentes hipometilantes dados tem surgido indicando que o uso do mesmo antes, para o preparo do transplante, e após para se manter o paciente em remissão (sem doença) é possível e a conduta extremamente promissora.

Cogle et. al . Hypomethylating agent induction therapy followed by Hematopoietic cell transplantation is feasible in patients with Myelodisplastic Syndromes.
Clinical Advances in Hematology & Oncology , 2010;8(1)

De Lima M. et al , Maintenance therapy with low-dose Azacytidina after Allogeneic Hematopoietic Stem Cell Transplantation for recurrent Acute Myelogenous Leukemia or Myelodisplastic Syndrome dose and schedule finding study.
Cancer 2010; 116: 5420

Milton Artur Ruiz

Sobre o Autor

Médico, Hematologista, Hemoterapeuta, Professor Colaborador da disciplina de Hematologia/Hemoterapia da Faculdade de Medicina da Universidade de S. Paulo, USP-SP, Coordenador do Grupo de Estudos de Terapia celular do IMC de S J do Rio Preto-SP, Chefe da Unidade de Transplante de Medula Óssea do Hospital Infante D. Henrique da Associação Portuguesa de Beneficencia de SJ do Rio Preto SP. , Editor da Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia - Journal of Hematology and Hemotherapy ISSN 1516 8494 , Mestre em Hematologia – Escola Paulista de Medicina, Unifesp-SP, Doutor em Medicina Interna – Unicamp-SP, Livre docente em Hematologia- Famerp- SP.

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!